Angola: Relatório dos Repórteres Sem Fronteiras sobre o Índice de Liberdade de Imprensa em Angola Excessivamente Simplificado

Angola: Relatório dos Repórteres Sem Fronteiras sobre o Índice de Liberdade de Imprensa em Angola Excessivamente Simplificado

Washington D.C  — O relatório dos Repórteres Sem Fronteiras sobre o Índice de Liberdade de Imprensa em Angola ignora a censura do «Estado­-Partido» e outros impedimentos ao acesso a informações vitais.

Pergunta: qual é a diferença entre assassinato premeditado de jornalistas e limitação deliberada da missão jornalística?

Ninguém conhece as nossas preocupações quanto à censura e acesso à informação melhor do que nós —  escreva aos Repórteres sem Fronteiras e manifeste indignação do seu relatório sobre o índice de Liberdade de Imprensa em Angola.

———————————————————–

Angola: Oversimplifying Reporters Without Borders’ report on the Angolan Press freedom Index

Washington D.C  — Oversimplifying Reporters Without Borders’ report on the Angolan Press freedom Index ignores censorship by the Angolan “State Party” and other impediments to accessing vital information.

Question: What is the difference between premeditated journalist assassination and deliberate journalistic mission limitation?

Write to Reporters Without Borders and express outrage at their report on the Angolan Press Freedom Index.

No one understands our concerns about censorship and access to information better than we do  —  write to express your outrage at this report.

Serafim de Oliveira

Washington D.C

Prof.kiluangenyc@yahoo.com

Reference:

https://rsf.org/en/country/angola

General contacts

If your request does not concern the areas listed above, contact:

secretariat@rsf.org

(+33) (0)1 44 83 84 84

CS 90247

75083 Paris Cedex 02

Author: angolatransparency

-Impulsionar os cidadãos angolanos a questionarem como o erário público é gerido e terem a capacidade de responsabilizar os seus maus gestores de acordo com os princípios estabelecidos na Constituição da República --Boost the Angolan citizens to question how the public money is managed and have the ability to blame their bad managers in accordance with the principles laid down in the Constitution of the Republic-------------- Prof. N'gola Kiluange (Serafim de Oliveira)

One thought on “Angola: Relatório dos Repórteres Sem Fronteiras sobre o Índice de Liberdade de Imprensa em Angola Excessivamente Simplificado”

Leave a Reply

Please log in using one of these methods to post your comment:

WordPress.com Logo

You are commenting using your WordPress.com account. Log Out /  Change )

Twitter picture

You are commenting using your Twitter account. Log Out /  Change )

Facebook photo

You are commenting using your Facebook account. Log Out /  Change )

Connecting to %s

This site uses Akismet to reduce spam. Learn how your comment data is processed.

%d bloggers like this: